ESTOMATITE G1

ESTOMATITE G1 150 150 Ápice Educação Infantil

São Paulo, 22 de julho de 2021.

 

Querida família,

Fomos informados pela família, de um caso de estomatite em uma de nossas crianças.

A criança encontra-se afastada do convívio escolar por ordem médica.

Acreditamos ser importante reforçar a atenção com relação aos cuidados necessários e buscarmos sempre uma orientação médica em caso de dúvidas.

Seguem algumas informações e orientações sobre esta doença infecciosa.

 

A estomatite em crianças é mais frequente do que em adultos, sendo mais prevalente na primeira infância, sobretudo a partir do sexto mês de vida, momento em que o bebé costuma deixar de receber anticorpos da mãe que lhe são transmitidos através do leite materno nos primeiros meses.

 

A estomatite forma feridas que se parecem com aftas ou com uma úlcera, caso sejam maiores, podendo ser únicas ou múltiplas, surgem nos lábios, língua, gengiva e bochechas, acompanhadas de sintomas como dor, inchaço e vermelhidão.

O tratamento para estomatite, por possuir diferentes causas como a presença do vírus da herpes, hipersensibilidade alimentar e até queda do sistema imune, deve ser indicado por um clínico geral ou dentista, que após a avaliação do caso, indicará o tratamento mais adequado, que pode incluir pomadas antivirais ou eliminação dos alimentos que causam estomatite, por exemplo.

 

Os sinais e sintomas de estomatite são geralmente os seguintes:

  • Vermelhidão e/ou inchaço nos tecidos moles da boca (gengiva, interior das bochechas, língua, lábios e orofaringe). Veja fotos superiores;
  • Presença de aftas;
  • Aumento dos gânglios linfáticos da região;
  • Febre, que pode ser alta;
  • Falta de apetite;
  • Dificuldade em comer;
  • Perda de sabor;
  • Dor na boca;
  • Aparecimento de pequenas erupções arredondadas;
  • Aparecimento de bolhas que mais tarde rebentam, causando úlceras orais. As úlceras são situações com características muito semelhantes às aftas, podendo alastrar-se a toda a boca, sobretudo à gengiva, língua e início da faringe, próximo das amígdalas;
  • Irritabilidade (principalmente em crianças);
  • Dor de cabeça

https://www.tuasaude.com/clarisse-bezerra

https://www.saudebemestar.pt/pt

 

 

Contamos com a compreensão de todos, agradecendo todo o carinho com nossas solicitações e gentileza. Somos uma escola que acredita na verdadeira parceria escola e família, bem como ações simples que nos protegem e fazem a diferença sempre.

 

Abraços,

Equipe Gestora

 

 

 

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Abrir o Chat
Precisa de Ajuda?
Precisa de Ajuda?