Caso de Conjuntivite

Caso de Conjuntivite 150 150 Ápice Educação Infantil

 

São Paulo, 30 de setembro de 2021.

Querida família,

Fomos informados pela família, de um caso de conjuntivite em uma de nossas crianças do Grupo 1.

A criança encontra-se afastada do convívio escolar por ordem médica.

Acreditamos ser importante reforçar a atenção com relação aos cuidados necessários e buscarmos sempre uma orientação médica em caso de dúvidas.

Seguem algumas informações e orientações sobre esta doença infecciosa.

O que é conjuntivite?

A conjuntiva é a membrana que cobre todo o olho humano, permitindo, entre outros fatores, que ele esteja lubrificado e pronto para se movimentar para que o indivíduo possa enxergar corretamente. Quando ela fica inflamada, o paciente é diagnosticado com conjuntivite.

Todo mundo pode sofrer de conjuntivite pelo menos uma vez na vida, sendo que seus sintomas são passageiros e podem ser causados por diferentes agentes, resultando nos tipos de conjuntivite.

A condição médica da conjuntivite pode afetar até mesmo bebês.

Quais são os sintomas de conjuntivite?

Independentemente de qual tipo ou variedade de conjuntivite a pessoa pega, no geral, os sintomas apresentados são os seguintes:

– Olhos vermelhos, inchados e lacrimejantes;
– Sensação de areia nos olhos;

Quais são os tipos de conjuntivite?

Existem três tipos mais comuns de conjuntivite, sendo que eles são:

– conjuntivite viral: a conjuntivite viral é aquela em que os sintomas são causados por conta de um vírus chamado adenovírus. Quando se tem uma conjuntivite viral, as chances de infectar outra pessoa são bastante altas e, por isso, é necessário ficar afastado do serviço ou da escola. Nesse tipo, a secreção emitida pelo olho é esbranquiçada

– conjuntivite bacteriana: a conjuntivite bacteriana é causada por diferentes tipos de bactérias, sendo que seus sintomas podem durar de 10 a 14 dias, sem a necessidade de que a pessoa se afaste de suas tarefas diárias já que sua transmissão não é tão simples

– conjuntivite alérgica: essa variedade da doença é causada quando uma pessoa que é alérgica a algum material, como a poeira e o pólen, e entra em contato com eles. Existem diferentes variedade de conjuntivite alérgica sendo que uma, inclusive, pode ser causada pelo uso excessivo e incorreto de lentes de contato. É o caso da conjuntivite papilar gigante

Como é feito o tratamento da conjuntivite?

O tratamento da conjuntivite depende diretamente do tipo de doença que está afetando o paciente.

No caso da conjuntivite bacteriana, são indicados colírios antibióticos que auxiliam na recuperação do paciente. Já a conjuntivite viral não é tratada diretamente, sendo que a abordagem é toda voltada para o saneamento dos sintomas apresentados pelo indivíduo infectado com a doença.

De modo geral, se você apresentar qualquer um desses sintomas, evite coçar os olhos e lavá-los com água da torneira, mantenha suas mãos sempre limpas e higienizadas e use uma toalha de rosto só para você (ou toalhas de papel descartáveis) sempre que for secar parte da secreção do olho.

Visite um médico que saberá indicar a melhor trilha de tratamento para seu tipo de conjuntivite.

Contamos com a compreensão de todos, agradecendo todo o carinho com nossas solicitações e gentileza. Somos uma escola que acredita na verdadeira parceria escola e família, bem como ações simples que nos protegem e fazem a diferença sempre.

 

Fonte:

https://www.rededorsaoluiz.com.br/doencas/conjuntivite

 

Equipe Gestora

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Abrir o Chat
Precisa de Ajuda?
Precisa de Ajuda?